TIMBERLAND 45 ANOS

A bota amarela impermeável criada, há 45 anos, para os trabalhadores da Nova Inglaterra (Nordeste dos EUA) enfrentarem os invernos rigorosos, nunca teve a intenção de se tornar um ícone da moda e estilo. Sinônimo de atitude e qualidade reconhecida em todo o globo, a Original Yellow Boot™ é confeccionada a partir de 39 componentes, montados em 80 etapas de produção, e movida mais pela forma, função e perícia na fabricação do que pelo apelo das passarelas de moda. Porém, os detalhes por trás da sua história, ajudam a entender como a icônica bota amarela da Timberland ganhou seu espaço de destaque, tido como referência no mercado.

Como tudo começou
No início do século XX, o jovem Nathan Swartz nascido na atual Ucrânia, com 16 anos, emigrou com sua família para os EUA, se radicando na região sul de Boston. Filho, neto e bisneto de sapateiros, começou a trabalhar na Abington Shoe Company como aprendiz. Ao completar 50 anos e crescendo na hierarquia, em 1952, com suas economias após 34 anos de trabalho, comprou a metade da participação na companhia. Três anos depois, adquiriu o restante da empresa, trazendo seus dois filhos, Sidney e Herman, para trabalharem junto com ele na Abington Shoe Company, que até então fabricava calçados para outras marcas, passando a aperfeiçoar processos de fabricação e investir na qualidade dos produtos.

Em 1965, desenvolveram a tecnologia de moldagem por injeção, que une a sola ao cabedal dos calçados, permitindo a construção de botas totalmente impermeáveis. Perfeitas para o clima frio e úmido da região, este tipo de calçado garantia pés secos e aquecidos aos trabalhadores, que passavam muito tempo ao ar livre em condições climáticas desfavoráveis. Após a transferência da empresa, em 1969, para Newmarket em New Hampshire, a família Swartz seguiu produzindo e desenvolvendo seus calçados à prova d’água, criando, sob a liderança de Sidney em 1973, sua obra prima. Uma bota feita em couro nobuck premium ultra resistente e com uma característica cor bege amarelada, unida à sola de borracha natural também de alta resistência pela tecnologia de moldagem por injeção, com costuras seladas e totalmente à mão, e materiais de altíssima qualidade até nos detalhes, como os ilhoses dos cadarços em latão inoxidável.

A família então decidiu que a bota deveria ter um nome, batizada como Timberland (em tradução livre, terra da madeira), homenageando as florestas e os lenhadores da Nova Inglaterra. Também surgiu o logotipo da árvore nesse momento, inserido na lateral da bota.

Sucesso imediato entre os lenhadores, pescadores e pedreiros, associaram o produto de alta qualidade a um símbolo e nome facilmente reconhecível, criando uma marca, adotada como nome da empresa que passou a ser The Timberland Company.

Timberland ganha o mundo
Nos começo da década de 80, Milão já era reconhecida como uma das capitais da moda e sua cultura jovem consumia tudo da cultura norte americana, desde o fast-food até jeans e jaquetas coloridas. Neste momento, Sidney Swartz que liderava a empresa na época foi surpreendido em seu escritório por um cavalheiro italiano interessado em comprar 600 pares da bota para levar à Itália. Passados dois meses o italiano voltou, havia vendido tudo e queria comprar mais pares. Este movimento introduziu na mais antenada juventude milanesa a Original Yellow Boot™, que posteriormente chegou até a Ásia. Os jovens no Japão e em Hong Kong a adotaram como uma declaração de individualidade. Simultaneamente, nos EUA, a bota já era usada pelos entusiastas de trilhas e vida outdoor, trabalhadores dos estaleiros de Massachusetts e até estudantes universitários da Califórnia. No mundo todo, a Original Yellow Boot™ virou um símbolo do estilo “Made in USA”.

Um ícone do Hip Hop
A cultura jovem americana nos anos 80 estava tomada pelas influências do hip hop, a partir do Bronx em NY, e tudo o que os rappers usavam, ganhava as ruas. A cena começou a perceber as botas como estilosas e robustas, apropriando-se delas em uma expressão de atitude, na maioria das vezes, usadas desamarradas. Na década seguinte, a Original Yellow Boot™ já estava estabelecida como item do street style, impulsionada pela cultura sneaker.

Nos pés das estrelas
A tendência e apelo fashion da Original Yellow Boot™ ainda é muito relevante, Kanye West, Pharrel, Jay-Z e Rihanna são facilmente flagrados usando-a. Mas muito além do Hip Hop, ela é vista em operários, barmans, músicos, fotógrafos e esportistas. Seja em astros da NBA como Allen Iverson, que costuma combinar com casacos de pele, ou na supermodelo Cara Delevingne que compõe a peça com elegantes vestidos num visual despojado, as yellow boots são unanimidade na posição de ícone.

45 anos sem perder a batida
Na celebração e resgate dessa herança, a Timberland desenvolveu uma edição especial comemorativa, em quatro cores diferentes – marrom, preta e caramelo -, além da original amarela, que usa acentos na cor safira em seus detalhes, referência universal às suas bodas de safira.

Para o diretor global de produtos Timberland, Donald DeSalvio, a peça se tornou atemporal por ser única e simples, além de sempre haver consumidores que apreciam estética, durabilidade e design instantaneamente reconhecível. “Desde a icônica bege palha até os ilhoses hexagonais metálicos e os cadarços em Taslan, a qualidade, consistência e atenção total aos detalhes que a tornaram popular, permanecem. A Timberland fez muito poucas e pequenas mudanças no modelo, então ela continua fiel ao design original”, afirma DeSalvio.

Ao longo dos anos, a única evolução significativa do modelo foi na tecnologia utilizada em sua fabricação. Para maior conforto, foi adicionada a entressola Anti-Fatigue com o suporte em cones geométricos que proporcionam uma ótima absorção de impactos e retorno de energia para os pés.

As Original Yellow Boots™ são ideais para quem passa o tempo ao ar livre, no campo ou na cidade, que se destaca na multidão mas sem chamar a atenção. Alguém que aprecia a alta qualidade e o cuidado artesanal, em todos os aspectos da vida. Este sim tem o espírito Timberland.